Bem Vindo a WA Rural

contato@warural.com.br

(14) 99759-4149

Topo

Preço do café arábica reage no BR

benefícios-do-Café

Preço do café arábica reage no BR

Expectativa que a safra 2017/18 seja menor que a esperada deu sustentação as cotações

Apesar de a colheita de arábica estar na reta final, os preços da variedade têm avançado no mercado brasileiro. Segundo pesquisadores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq USP), o impulso vem da forte retração de produtores, que estão concentrados nas entregas futuras, e da expectativa de que a safra de arábica 2017/18 seja menor que a esperada, por conta de problemas de padrão (menor peneira) e de produtividade (como a broca).

Assim, a média do Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, na parcial de agosto (até o dia 15) é de R$ 469,60/saca de 60 kg, 3,9% maior que a de julho (R$ 451,90/sc), voltando a patamares nominais similares aos registrados em abril de 2017.

Com isso, apesar da significativa retração de muitos agentes, a liquidez teve aumento pontual no mercado doméstico. Mesmo com a alta da média mensal do café arábica, entre 8 e 15 de agosto, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica recuou 4%, fechando a R$ 459,26/sc nessa terça-feira, 15

Fonte: Cepea